Escondo-me no sorriso
do dia a dia
cubro meu rosto
com a maquiagem

Quantas vezes sorri
com a mentira
de ser feliz
como se fora uma tatuagem

Tirei parte da armadura
que me protege
máscaras que cobriam
uma infinita tristeza

Não nego que ainda ...
uso-as com presteza
volta e meia ...
na incerteza

Na eterna busca
de singela leveza
na esperança
mantendo a delicadeza

De acreditar no sonho
no poder da imaginação
Mantendo firme a crença
de uma vida cheia de beleza

Sônia Braga Urbano

 


Indique esta página!


[Clinica Repensar] [Menu Feminino] [Versos e Poemas]

 

Criação de Gráficos e Páginas:
Webmaster e Designer:Crys

Todos os Direitos autorais reservados ao site: www.repensar.com.br