Respirando o ar da noite, em minha casa no alto de uma montanha,
Reflito na magnitude de tanta beleza
Os olhos são cegos, é preciso olhar com o coração,
O que é importante a gente não vê,
Você é o vento e não te vejo, te sinto,
É a energia vital, o ar que respiro, aqui sou vegetal
Nesta noite magnífica, você é leve
Eu calma e passiva,
A contemplar, junto contigo,
A lua e as estrelas.
As vezes sinto-me frágil,
Com medo de extinguir-me,
Mas você mostra-me o céu
E me faz acreditar na expansão da consciência,
Demonstrando-me a possibilidade,
De visitarmos a lua e as estrelas
Entrego-me a ti e acredito na força de sua natureza.,
Envolve-me, penetra-me, êxtase, deixa-me linda
Renasço para o amor
Amor por mim, por ti, pela vida
Em suas mais diversas manifestações
Eu e você somos UM

Sônia Braga Urbano

 

Indique esta página!

 

[Clinica Repensar] [Menu Feminino] [Versos e Poemas]

 

Todos os Direitos autorais reservados ao site: www.repensar.com.br

Imagem Top: Tineke's