Queridos amigos, senti o desejo de compartilhar com vocês meu sentimento neste inicio de ano. Há seis meses a minha filha Cize faleceu seguido de um câncer doloroso. Nos últimos meses ela ficou direta em São Paulo comigo, dormindo em minha cama e pude sentir sua dor, seus gemidos a cada hora a cada minuto. Muitas vezes a única coisa que eu podia fazer era abraça-la e orar com ela, para aliviar o sofrimento.

Quando ela se foi, eu morri junto com ela, podem crer. Fui ate o fundo do poço. Ajoelhei-me na lama e tirei tudo àquilo que pesava em meus ombros; ressentimentos; raiva e pedi a Deus que acalmasse meu coração e que colocasse a energia do amor em mim, como sei que a Cize sentiu em seu processo de dor. Ela sofreu calada sem reclamar de nada, aceitando a sua provação e eu deveria também fazer o mesmo, aceitar os desígnios de Deus e continuar aqui seguindo em frente. Para isso seria preciso morrer aquela Sonia e fazer renascer um Ser novo, com desprendimento, que Respeita cada ser humano em seu momento, aceitar as perdas com humildade sendo essa a provação mais difícil na Terra, do meu ponto de vista, perder um filho.

Por mais que saibamos que a vida é eterna, na pratica leva um tempo para processarmos essa perda e acreditem ao processar a perda, é preciso buscar a energia do amor, a energia divina, pois se assim não for, não haverá sustentação e certamente sucumbiremos diante desse ocorrido.

Estar na energia do amor, é conseguir acalmar seu coração, vendo Deus nos olhos de todas as pessoas, inclusive daquelas pessoas que você considera seu inimigo, é dar sentido a sua vida, acreditando que você tem uma missão única aqui na Terra, que só você poderá executa-la e para isso você não pode se permitir perder a força, ainda que seja pela morte de um filho.

Esse pensamento correto fará aproximar a energia do amor em cada um de nós e é preciso treinar esse pensamento e certamente com essa renovação que fiz em mim, tenho a certeza que a Cize esta melhor a cada dia também na casa do Pai e que um dia nos encontraremos com certeza.

Espero que minha experiência ajude quem esta também passando por essa dor.

Abraços

Sonia Braga Urbano
11-01-2014


::: Clinica Repensar ::: Menu ::: Voltar ::: Indique esta página! :::

 

Todos os Direitos autorais reservados ao site: www.repensar.com.br

CrysJuanGráficos&Design