Voltar        

BLOQUEIOS E CRIATIVIDADE

A criatidade depende do pensamento, que por sua vez depende do complexo cérebro-mente. Muito do pensamento deve ocorrer de uma maneira expontânea, quase que inconsciente, com muito pouca energia gasta em monitorar e melhorar o processo.
O complexo cérebro-mente deve estar desbloqueado tanto do ponto de vista perceptual quanto emocional, cultural, ambiental, intelectual e de expressão.

Exemplificando.

Bloqueios perceptuais : estereotipação, dificuldade em isolar o problema, tendência de delimitar a área que o problema atinge de maneira muito fechada, inabilidade de examinar o problema sob vários pontos de vista, dificuldade em utilizar todos os dados sensoriais, dentre os mais importantes.

Bloqueios emocionais : medo de arriscar, falhar ou enganar-se, inabilidade de tolerar fatos ambíguos ( falta de apetite para o caos), preferência por julgar idéias ao invés de gerá-las, inabilidade de distinguir entre realidade e fantasia, etc.

Bloqueios culturais : tabus arraigados como por exemplo "fantasia e reflexão são uma perda de tempo", "brincadeiras são somente para crianças", "tradições são preferíveis à mudanças", "razão lógica é  bom enquanto que feeling é mau", etc

Bloqueios ambientais : falta de cooperação e confiança dentro da equipe de trabalho, chefia autocrática, falta de suporte para colocar as idéias em ação, etc.

Bloqueios intelectuais e de expressão : dentre eles o fato de resolver um problema usando uma linguagem verbal, matemática ou visual incorreta, falta de habilidade na expressão e gravação das idéias.

Existem felizmente técnicas para ultrapassar esses bloqueios, técnicas essas dentre outras como usar um rico vocabulário de "linguagem do pensamento", adicionar fluência e flexibilidade ao pensamento e analogias fantasiosas, tudo isso adquirido por exercícios específicos.

Paulo Godoy,
07.04.2004

Voltar


Clínica Psicológica Repensar 
R. Ângelo Luiz Salto, 107 São Paulo SP (11) 5523-0436
clinicarepensar@uol.com.br