Até quando o mundo aguenta?
Até quando a natureza se sutenta?
Até quando?

A natureza pede socorro:
As plantas, as aves, as águas;
Afinal até aonde a vida vai?

Mas o que estamos fazendo?
Para onde vai nosso planeta?
Não se pode ignorar,
Temos que agir,
Temos que falar!

Na leve brisa do vento,
No furacão, no tornado,
Há uma mensagem, um pedido,
Um socorro negado,
Um clamor ignorado.

Mas ainda há uma chance,
Uma última,
Se não aproveitarmos,
Se desperdiçarmos,

A vida na Terra se tornará
Uma simples utopia
Um sonho, um dia ...
Até quando? ...

Alyne C. Valença - 16 anos

 

 

Indique esta página!

 

[Clinica Repensar] [Menu Feminino] [Recanto do Adolescente]

Todos os Direitos autorais reservados ao site: www.repensar.com.br