Onde estou? Não sei
Mas como? Por que? Quando?
Eu disso nada sei
Sei apenas que deliro amando.

Sei também que este amor
Me leva a meditação
E certamente a uma reflexão
Que para continuar te amando ...

É preciso mais, que se eternize
essa relação, que se espedasse o véu
que se esconde a eternidade
e que se invente um inferno
ou se descubra um céu

Inferno? ... A dor seria menor
Céu? ... Tanto melhor
Poderia te amar muito mais
Como se o amor fosse um céu maior!!!

Sônia Braga Urbano



 
Indique esta página!


[Clinica Repensar] [Menu Feminino] [Versos e Poemas]


Todos os Direitos autorais reservados ao site: www.repensar.com.br